Só pesquisa

Carregando...

terça-feira, 3 de abril de 2012

REVOLUÇÃO RUSSA - 9º ANO

MOMENTO HISTÓRICO SÉC. XX
¥Czarismo (absolutismo);
¥Desorganização militar;
¥Economia atrasada;
¥Distúrbios populares;
¥Fome;
¥Desmoralização do Czar.

O INÍCIO

 

 
¥Derrota da Rússia na Guerra Russo-Japonesa;
¥DOMINGO SANGRENTO: Massacre de manifestantes em frente ao Palácio do Czar;
¥ENCOURAÇADO POTEMKIN: Rebelião dos marinheiros do Potemkin;
¥Criação dos SOVIETES (Organizações de trabalhadores);
¥Esses fatores geraram uma grande onda de manifestações.
¥MANIFESTO DE OUTUBRO: Czar cria a DUMA (espécie de Parlamento).
¥A criação da DUMA, a promulgação de uma nova constituição e a repressão aos sovietes diminuíram as manifestações populares.
¥1914: Entrada da Rússia na Primeira Guerra Mundial:
¥Mortes;
¥Baixa na produção de alimentos;
¥Altas deserções;
¥Reinício das manifestações e ressurgimento dos SOVIETES.
¥Caos total na Rússia.
¥Czar pede que o exército marche sobre a população; Os militares se negam;
¥Czar Nicolau II abdica.
REVOLUÇÃO MENCHEVIQUE / BURGUESA / FEVEREIRO
¥DUMA assume o governo;
¥Kerensky e Lvov (Duma) assumem o Governo Provisório e mantém a Rússia na Primeira Guerra;
¥Abril 1917: Descontente diante das não mudanças procedidas pela DUMA, Lênin expõe as TESES DE ABRIL (“Paz, pão e terra”):
¥Saída da Rússia da Primeira Guerra;
¥Todo poder aos SOVIETES;
¥Implementação do Socialismo;
¥Criação da Guarda Vermelha;
¥Reforma Agrária;
¥Melhores alimentos e salários.
¥Lênin perseguido, se refugia na Finlândia;
¥Trotski ingressa no Partido Bolchevique;
¥Agosto 1917: Governo pede ajuda aos Bolcheviques para sucumbir o golpe militar de Kornilov;
¥Trotsky cria a Guarda Vermelha e impede que Kornilov assuma o poder.
¥OUTUBRO 1917: Trotsky e Guarda Vermelha marcham sobre Petrogrado (capital da Rússia até então).

REVOLUÇÃO BOLCHEVIQUE / SOCIALISTA / OUTUBRO

 

 

¥Criação do CONSELHO DOS COMISSÃRIOS DO POVO,

 

 liderado por Lênin;

 

¥Eleição Constituinte: Bolcheviques perdem;

 

¥GUARDA VERMELHA + CONSELHO DOS COMISSÁRIOS

 

DO POVO à Dissolvem a Assembléia, assinam Brest-

 

Litovsky (saída da Rússia da Primeira Guerra) e

 

implementam o socialismo à LÊNIN (1917-1924);

 

¥Trotsky é nomeado Ministro de Guerra e a Guarda

 

Vermelha passa a se chamar EXÉRCITO VERMELHO;

 

¥1918: Inicia-se um período conhecido como COMUNISMO

 

DE GUERRA caracterizado por medidas radicais, tais

 

como:


¥Separação Igreja X Estado;

 

¥Abolição dos empréstimos;

 

¥Nacionalização de bancos e transportes;

 

¥Separação Igreja X Estado;

 

¥Abolição dos empréstimos;

 

¥Nacionalização de bancos e transportes;

 ¥Reforma agrária e fim da propriedade privada;
¥Retenção de toda a produção agrícola (exceto a de


sobrevivência) pelo Estado.

¥1919: Partido Bolchevique passa a se chamar Partido


Comunista em situação unipartidária;


¥Classes dominantes iniciam uma guerra civil a fim de

reconquistarem seus privilégios:

 ¥1921: NEP – NOVA POLÍTICA ECONÔMICA (“Um passo

atrás, dois à frente”) à Criada pela

GOSPLAN (Comissão estatal de planejamento

econômico), tinha como características:

¥Privatização de empresas de pequeno porte;

¥Liberdade ao comércio interno;

¥Atração de técnicos e capitais estrangeiros;

¥Retomada de relações com a Inglaterra e a

Alemanha;

¥1924: Lênin morre;

¥Apesar de fugir um pouco às bases socialistas, a NEP foi


mantida pois teve grande sucesso;

¥1922: O antigo Império Russo passa a se chamar UNIÃO

DAS REPÚBLICAS SOCIALISTAS SOVIÉTICAS (URSS);
¥Stalin X Trotski:

¥Stalin defendia a idéia de que apenas o socialismo

russo, por si só, se desenvolveria, enquanto Trotski

acreditava que era necessário uma difusão do socialismo

para o resto do mundo;

¥Stalin tinha a seu favor o cargo de Secretário-Geral do

Partido Comunista, o qual Trotski só ingressar

em 1917;

¥Apesar da vontade de Lênin, Stalin assume o poder e


Trotski é expulso da URSS, sendo assassinado no

México, em 1940, a mando de Stalin;

¥Stalin inicia um período conhecido como DITADURA


DE ESQUERDA: Autoritarismo total e

repressão severa a quem desafiasse o governo stalinista;

¥PLANOS QUINQUENAIS: Planos econômicos a cada

¥5 anos;

¥Grande desenvolvimento econômico;

¥1953: Stalin falece;
O FIM DA URSS

¥Com a morte de Stalin, assume Nikita Kruschev;
¥Kruschev denuncia os crimes de Stalin no XX

Congresso do Partido Comunista da União Soviética;

¥Faz uma política de coexistência pacífica com os

EUA;

¥1964: Grupo conservador do Partido afasta

Kruschev;

¥ Brejnev assume e invade a Tchecoslováquia,

esmagando a experiência democrata chamada de

Primavera de Praga;

¥Brejnev morre e assume Mickhail Gorbachev;

¥Realiza profundas mudanças políticas e econômicas

com a Glasnot (liberalização política) e a Perestroika

(reformulação econômica);

¥O fracasso do regime socialista em vários países da

URSS e o movimento político liderado pela Rússia,

com Boris Iéltsin, declara, em dezembro de 1991, o

fim do Império Vermelho.

¥Declarava-se a criação da FEDERAÇÃO RUSSA,

tendo como Boris Iéltsin seu primeiro presidente.

¥Hoje a Rússia está completamente afastada do

socialismo. 

REVOLUÇÃO RUSSA (PART II)
          A Rússia promoveu uma experiência revolucionária que marcou a trajetória do século XX. Já no século XIX, Karl Marx indicava que as desigualdades do sistema capitalista abririam portas para que as massas trabalhadoras viessem a tomar o poder. No entanto, a convocação dos trabalhadores em torno dos ideais de Marx parecia ser uma possibilidade remota em face ao desenvolvimento dos Estados liberais enriquecidos pelo favor dado às classes burguesas.

No entanto, a ocorrência da Primeira Guerra
Mundial proporcionou uma possibilidade revolucionária que estremeceu essa ordem cingida pela burguesia capitalista. No começo do século XX, a Rússia vivia um momento histórico onde as desigualdades sociais instaladas fizeram com que camponeses e operários se mobilizassem politicamente. Nos campos, os trabalhadores rurais viviam em condições lastimáveis legitimadas por um governo que preservava os privilégios feudais da classe aristocrática.

Nas cidades, a burguesia tinha um
papel político limitado e não tinha apoio devido para a configuração de uma economia industrializada. O parque industrial desenvolvido na Rússia, em grande parte, era fruto da entrada de capitais de investimento estrangeiros interessados em ampliar mercados e reduzir custos de produção. A classe operária, proveniente do tímido processo de industrialização, não tinha força política suficiente para exigir direitos.

Os gastos com a Primeira Guerra agravaram a situação econômica do país, potencializando o clima de insatisfação e mudança. Os sovietes, grupos de organização dos trabalhadores, transformaram-se em grandes centros de discussão política. A partir da organização dessas pequenas unidades, a revolução foi possível e instituiu um novo poder na Rússia. Depois de consolidada, as teorias socialistas tiveram que se defrontar com os
desafios mais imediatos de uma situação histórica nunca antes vivenciada.

Segundo alguns pensadores, o que se viabilizou no interior da Rússia foi um Estado cada vez mais distanciado dos princípios pautados por Marx e Engels. O Estado ganhou cada vez mais força, impedindo o florescimento de uma sociedade comunista. Mesmo não podendo constatar uma resposta conclusiva para tal perspectiva, não podemos deixar de vislumbrar como esse fato histórico inspirou outros movimentos de caráter socialista e comunista ao redor do planeta.


 

¥1898: Fundação do Partido Operário Social-Democrata Russo (POSDR);

¥Defendia a tese de que a Rússia, país atrasado, precisava passar por uma revolução democrático-burguesa que desenvolvesse o capitalismo e criasse as condições para uma revolução do proletariado

¥1903: O POSDR se subdivide em MENCHEVIQUE e BOLCHEVIQUE (maioria);

¥O líder dos BOLCHEVIQUES, Vladimir Ílitch Ulianov, conhecido como Lênin, pregava uma revolução conduzida por um partido operário apoiado aos camponeses (munjiques), diferente da idéia inicial do POSDR, mantida pelos MENCHEVIQUES.

¥REVOLUÇÃO PERMANENTE: Teoria de Leon Trotsky, em que apenas uma revolução socialista tiraria a Rússia do atraso, tarefa que a burguesia não seria capaz de realizar.

 

 



10 comentários:

  1. oi tati eu gosto muito da sua alua e o samuel

    ResponderExcluir
  2. patricia bianca8ºf4 de abril de 2012 06:53

    tudo bem feliz páscoa boa semana vc é uma ótima professora

    ResponderExcluir
  3. oi prof tati hoje sua aula foi muito legal eu quero mais aulas assim espero q ano q vem a senhora ñ pessa demisão o 8ºf está te deixando maluca né emtão falou lucas8ºf nº14

    ResponderExcluir
  4. eder 8f everton 8f ....

    prof: tati adoramos seu blog...

    ResponderExcluir
  5. oi profª tati otima semana e uma feliz páscoa
    e tudo de bom na sua vida

    ResponderExcluir
  6. patricia bianca8ºf4 de abril de 2012 06:59

    qual é seu telefone passa pra mim

    ResponderExcluir
  7. as materias que vc esta passando é mto intressante nos amamos ser suas alunas des dos 6 nos estudamos com a senhora menos a dri que estudo com a senhora 7 ano mais mesmo assim nos te adoramosssssssss mtoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
    bjsssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss


    assi:sabrina aleixo,adriele,amanda 9 °C

    ResponderExcluir
  8. douglas nº06 8°d30 de abril de 2012 08:59

    materia interessante

    ResponderExcluir
  9. Gosto muito de História. Principalmente quando estudamos a Era Medieval. E estou gostando muito de estudar e entender sobre assuntos que geraram conflitos e guerras.
    Acho fascinante saber que algo que fizeram no passado, nos influencia e esta presente no hoje :p
    Parabéns pelo seu blog mais uma vez professora Tati. Está ótimo ^^
    Um abraço ")
    Sabrina Dantas 9°C

    ResponderExcluir
  10. Oi professora tati vc é minha melhor professora que eu ja tive des do primeiro dia que eu entrei na escola eu sei que a senhora briga comigo as vezes só para o meu bem falo espero mai aulas legais.Lucas/nº14/8ºf

    ResponderExcluir